fbpx
Guia para a primeira viagem de avião
18 de outubro de 2018
Mostrar Tudo

5 coisas a não fazer no seu primeiro cruzeiro

O nosso primeiro cruzeiro foi no Mediterrâneo a bordo do Costa Diadema, e foi fantástico. Um Cruzeiro de 7 noites que nos permitiu visitar Barcelona, Palma de Maiorca, Cagliari, Civitavecchia (Roma), Mônaco e Marselha. Podem ver algumas dessas experiências no nosso blog de viagens, como por exemplo a viagem ao Principado de Mônaco. Levou-nos alguns dias para descobrir como aproveitar ao máximo o tempo a bordo. Com o passar dos dias e aprendendo a configuração do navio, a nossa experiência melhorou bastante. Para quem pensa que vai com tudo preparado não é bem assim, e quem já andou sabe bem do que estamos a falar. Então, o que é que nós aprendemos neste primeiro cruzeiro?

Não exagere no seu primeiro dia a bordo.

A maioria dos navios de cruzeiro são maiores do que se pensa. A maioria dos navios modernos são compostos por decks atrás de decks, cabines atrás de cabines e pode acomodar milhares de pessoas. A última coisa que se deve fazer é tentar logo descobrir cada canto e recanto mesmo antes do navio partir. É fácil querer ver e fazer tudo no primeiro dia, mas evite a tentação.

Não tente comer em cada restaurante temático

As companhias de cruzeiro tiveram a ideia de construir múltiplos restaurantes nos navios mais novos, e embora estes restaurantes sejam fantásticos, vai acabar por gastar imenso dinheiro neles e sem dar conta (uma vez que paga com o cartão cruzeiro). Além disso, corre o risco de perder algumas das especialidades encontradas na sala de jantar principal do navio. Durante o nosso cruzeiro, estávamos com tanta pressa para experimentar todos os restaurantes que nem nos apercebemos que a primeira noite era focada em marisco e completamente gratuita no salão principal.

Não tenha vergonha de participar nas atividades programadas

Claro que pode ficar a descansar na cabine durante todo o dia ou a descontrair na piscina, mas a verdadeira diversão acontece quando se participa das atividades programadas. Cantar karaoke e jogar bingo não é realmente a nossa praia, mas descobrimos que mesmo ficando apenas a assistir a alguns desses eventos resultou em horas bem passadas e super divertidas.

Não fique na cabine horas a fio.

Claro que tirar pequenas sonecas é bastante agradável (especialmente para quem tem varanda virada para o mar), mas se passar a maior parte do tempo na cabine, vai com toda certeza perder algumas das atividades fantásticas que há a bordo. Levamos vários dias para perceber que havia atividades como filmes 3D, sessões de trivial e jogos como “Batalha dos Sexos”. Num cruzeiro, há sempre algo a acontecer a cada hora do dia e a única maneira de aproveitar ao máximo é saindo da cabine e envolver-se nas atividades.

Não se esqueça de ser simpático com a tripulação.

Todo o staff que vai encontrar no navio trabalha duro para que a sua estadia seja a melhor possível. Lembre-se de sorrir e agradecer-lhes pelo seu trabalho árduo. Será recompensado com serviço personalizado e com uma simpatia extrema. Foi incrível ter membros da tripulação abordando-nos pelo nome e a parar nos salões para nos cumprimentarem. Certifique-se de definir o tom certo desde o início e o seu esforço certamente será refletido numa experiência fantástica.

É definitivamente uma experiência única que vale mesmo a pena colocar na sua lista de viagens.

 

Fonte: iG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *